Faculdade de Ciências Sociais e Humanas

Representações Americanas: Identidade, Cultura e Artes

Código

722121053

Unidade Orgânica

Faculdade de Ciências Sociais e Humanas

Departamento

Línguas, Culturas e Literaturas Modernas, Secção de Estudos Ingleses e Norte-Americanos

Créditos

10

Professor responsável

Teresa Botelho da Silva

Horas semanais

3 letivas + 1 tutorial

Língua de ensino

Português e Inglês

Objectivos

-Integrar um conhecimento aprofundado de temas sociais e culturais norte americanos contemporâneos com os textos literários e visuais dos séculos XX e XXI estudados no programa;
- Diferenciar e caracterizar visões teóricas alternativas sobre construções identitárias coletivas tais como raça e etnicidade e aplicar estes instrumentos críticos à análise de articulações culturais textuais e visuais;
-Analisar os processos estéticos aplicados em trabalhos criativos individuais que problematizam os temas e preocupações que organizam o programa;
-Aplicar as hipóteses discutidas nos debates do seminário a nova investigação autónoma;
- Realizar pesquisa bibliográfica relevante de forma a preparar a leitura crítica de textos literários ou visuais, sob supervisão tutorial;
-Organizar e comunicar competentemente os resultados da sua pesquisa individual.

Pré-requisitos

Licenciatura, bom conhecimento de Inglês, a linguas de ensino.

Conteúdo

1- Introdução: pensar a Identidade
2- Discursos alternativos sobre raça e etnicidade
3-Repensar a identidade americana na entrada do século XX
4-Olhares sobre os novos americanos: fotografia, jornalismo e artes plásticas
5-Tornar-se americano, tornar-se branco: a experiência judaica
6-O olhar racializado: representações de Negrura e estereotipia racial
7-O Novo Negro na Harlem Renaissance I: contextos e debates
8-O Novo Negro na Harlem Renaissance Ii: a literatura (N. Larsen, L. Hughes,W. Thurman)
9-Estética Negra em tempos de mudança: arte, teatro e direitos civicos
10- Reapropriar o espaço fílmico: de Oscar Micheaux a Spike Lee
11-Transcendência racial? A estética Pós-Negra (de D. Senna a K. Walker)
12-A experiência Asiática-Americana antes da minoria modelo: exclusão e trauma
13-Reimaginar pertença na literatura Asiática-Americana contemporânea (G. Jen, D. H. Hwang)
14- A estética Pós-India (S. Alexie)
15- Cultura americana no mundo globalizado (B.Mukherje, J.Diaz)

Bibliografia

Alexander, Keith, Bryant (2012) The Performative Sustainability of Race: Reflections on Black Culture and the Politics of Identity. New York: Peter Lang,
Elam, Michelle (2011) The Souls of Mixed Soul: Race, Politics and Aesthetics in the New Millenium. Stanford: Stanford University Press.
Mitchell, W.J.T. (2012) Seeing Through Race. Cambridge: Harvard University Press.
Moynihan, Sinéad (2010) Passing into the Present: Contemporary American Fiction of Racial and Gender Passing. Manchester: Manchester University Press.
Powell, Richard and Mecklenburg (ed) (2012) African American Art: Harlem Renaissance, Civil Rights Era and Beyond. Washington: Smithsonian American Art Museum.
Raheja, Michelle R. (2013) Reservation Reelism: Redfacing, Visual Sovereignty and Representation of Native Americans on Film. Lincoln: University of Nebrasca Press.
Rody, Caroline (2010) The Interethnic Imagination: Roots and Passages in Contemporary Asian American Fiction. Oxford : Oxford University Press.

Método de ensino

O modelo pedagógico adotado é o de blended-learning, em que para além da introdução de conteúdos da responsabilidade da docente, se privilegia a participação ativa dos estudantes, articulando o trabalho independente de cada estudante com trabalho colaborativo, traduzido no funcionamento de grupos de discussão e actividades de peer-review.

Método de avaliação

O modelo de avaliação contempla duas componentes: o trabalho de seminário (50%) e o ensaio final de investigação (50%). O primeiro implica não só a participação ativa dos grupos de discussão mas a escrita de dois response paper e um mid-term essay sobre um texto, literário ou fílmico estudado no curso e escolhido pelo estudante(4 págs.). O ensaio final (entre 15 a 20 páginas), resultado de investigação individual e original será antecedido da apresentação de um abstract com bibliografia de partida e será acompanhado em tutoria individual. A frequência assídua dos seminários é obrigatória.

Cursos