Guia de Cursos

Queres conhecer a oferta de cursos da NOVA, nas áreas das licenciaturas, mestrados e doutoramentos?
No nosso Guia de Cursos encontras informação útil sobre Faculdades, Institutos e Escolas.
Podes ainda aceder a informações complementares necessárias a uma completa integração.

saber mais Guia de Cursos

Instituto de Higiene e Medicina Tropical

Parasitologia Médica

Código

5863017

Unidade Orgânica

Instituto de Higiene e Medicina Tropical e Faculdade de Ciências Médicas

Créditos

5

Professor responsável

Lenea Campino

Horas semanais

T: Aulas teóricas: 10 Horas (Total de Horas);
TP: Aulas teórico-práticas: 10 Horas (Total de Horas);
S: Seminários: 10 Horas (Total de Horas)
PL: Aulas práticas e laboratoriais: 10 Horas (Total de Horas)
OT: Orientação tutorial: 10 Horas (Total de Horas)

Língua de ensino

Inglês e Português

Objectivos

No fim da Unidade Curricular de Parasitologia Médica, os alunos deverão estar aptos a:
1- Conhecer os conceitos gerais de parasitologia, parasitismo;
2- Definir o conceito de vetores biológicos de agentes patogénicos, meios e tipos de transmissão;
3- Referir os principais tipos de helmintas, sua classificação, vias de transmissão e mecanismos de ação; Relação parasita-hospedeiro; sua importância em saúde pública.
4- Referir os conceitos básicos da protozoologia, quais as principais infecções causadas pelos protozoários patogénicos para o Homem; Mecanismos de infecção; Infecções oportunistas.
5- Conhecer os ciclos de vida, modo de transmissão, vectores ou hospedeiros intermediários, resposta imunológica, patologia, diagnóstico (métodos parasitológicos, imunológicos e moleculares), susceptibilidade, genética molecular, meios de terapêutica e controlo, bem como resistências, das principais doenças parasitárias (Protozooses e Helmintoses).
6- Conhecer os mecanismos genéticos envolvidos na patogenia, especificidade de hospedeiro e resistência ao tratamento.

Pré-requisitos

Não se aplica.

Conteúdo

- Conceitos gerais de Parasitologia, Parasitismo.
- Helmintas: Classificação, vias de transmissão e mecanismos de ação; relação parasita-hospedeiro; importância em saúde pública.
- Protozoologia: Introdução das principais infeções causadas pelos protozoários patogénicos para o Homem; mecanismos de infeção; infeções oportunistas.
-Entomologia: Artrópodes vetores de agentes patogénicos para o Homem.
- Constituição e funcionamento do sistema imunológico; resposta celular e humoral.
- Toxoplasmose: morfologia de Toxoplasma gondii; epidemiologia e patogénese da doença, diagnóstico e prevenção.
- Malária: Ciclo de vida e transmissão das diferentes espécies de Plasmodium. Epidemiologia, patologia e diagnóstico da infeção. Resistência aos antimaláricos; suscetibilidade do hospedeiro humano.
- Tripanossomose humana africana: morfologia de Trypanosoma brucei; epidemiologia, patogénese, diagnóstico laboratorial e prevenção da doença.
- Tripanossomose humana americana: morfologia de Trypanosoma cruzi; epidemiologia, patogénese, diagnóstico laboratorial e prevenção da doença.
- Leishmanioses: Taxonomia e biologia e ciclo de vida de Leishmania; epidemiologia das leishmanioses; patogénese, diagnóstico laboratorial e prevenção.
- Protozoários intestinais patogénicos para o Homem.
- Helmintoses: Principais Céstodes e Nemátodes intestinais, Tremátodes Biliares e Pulmonares em humanos; morfologia, patologia, epidemiologia, ciclos de vida, transmissão e controlo.
- Principais espécies vectoras de protozooses e helmintoses; modos de transmissão vetorial.
- Genética de Tripanossomatídeos.
- Diversidade genética e diagnóstico molecular de parasitas helmintas.
- Técnicas laboratoriais utilizadas no diagnóstico de doenças parasitárias com relevância médica.

Bibliografia

W Petters and Geoffrey Pasvol. Atlas of Tropical Medicine and Parasitology. 6th Edition 2007 (Elsevier)
Manson's Tropical Diseases. 2003. 21ª edição, Cook G. C. and Zumla A. I. (Ed.),WB Saunders, London, 1864 pp.
Garcia L. S. (2007). Diagnostic Medical Parasitology, 5ª edição. ASM Press. Washington, DC, USA.
Basic Laboratory Methods in Medical Parasitology . WHO Geneva 1991
Hunter's Tropical Medicine and Emerging Infectious Diseases. (2012) 9th ed. WB Saunders Co., Philadelphia

Método de ensino

Aulas teóricas, práticas, práticas laboratoriais e seminários

Método de avaliação

A classificação de 0-20 valores, com base em:
- Exame teórico (65%) e prático (25%) com identificação de parasitas e vetores apresentados nas aulas práticas de Protozoologia, Helmintologia e Entomologia.
- Apresentação em Seminário (10%).
É necessário obter aprovação (igual ou superior a 10/20) a cada uma das componentes.

Cursos