Guia de Cursos

Queres conhecer a oferta de cursos da NOVA, nas áreas das licenciaturas, mestrados e doutoramentos?
No nosso Guia de Cursos encontras informação útil sobre Faculdades, Institutos e Escolas.
Podes ainda aceder a informações complementares necessárias a uma completa integração.

saber mais Guia de Cursos

Faculdade de Ciências Sociais e Humanas

Filosofia da História - 1. semestre

Código

711031080

Unidade Orgânica

Faculdade de Ciências Sociais e Humanas

Departamento

Filosofia

Créditos

6

Professor responsável

Manuel João Matos

Horas semanais

4

Língua de ensino

Português com apoio tutorial em LE

Objectivos

a) Adquirir competências e capacidade no estudo da Filosofia da História moderna e contemporânea.
b) Compreender em que medida e quando a filosofia da História adquiriu autonomia enquanto disciplina especificamente filosófica.
c) Adquirir uma perspectiva crítica e inter-relacionada dos filósofos e as suas principais ideias do ponto de vista da Filosofia da História.
d) Compreender o sentido da evolução do estudo da Filosofia da História da época moderna à contemporânea.
e) Identificar os aspectos principais da Filosofia da História e a sua contribuição para os problemas da sociedade, da política, da moral e do mundo em geral.

Pré-requisitos

Não aplicável.

Conteúdo

I. A Filosofia da História em Rousseau: do Discurso sobre a Desigualdade (1755) ao Contrato social (1762).
a) Do estado de natureza ao estado civil: as etapas da filosofia da história da espécie humana.
b) O Contrato social e “os princípios do direito político” como forma de realização do destino do homem.
II. Teleologia e História em Kant.
c) Razão e progresso da humanidade na História Universal de um ponto de vista Cosmopolita e em Antropologia de um ponto de vista Pragmático.
d) Razão e progresso da História Universal segundo um ponto de vista teleológico.
III. Do Direito natural ao Direito positivo como o destino da história política em Habermas.
e) O direito natural como uma propedêutica do paradigma da praxis.
f) Moral, Direito e Democracia: a “emancipação” como o telos da História em Habermas.

Bibliografia

ROUSSEAU, J.-J., Discours sur l’origine et les fondements de l’inégalité parmi les hommes, edição M. Raymond e B. Gagnebin, Œuvres complètes, Paris, Gallimard, 1964, pp. 109-223.
ROUSSEAU, J.-J., Du Contrat social ou principes du droit politique, Œuvres complètes, Paris, Gallimard, 1964, pp. 347-470.
KANT, I., A paz perpétua e outros opúsculos, tradução A. Morão, Lisboa, Edições 70, 2004.
KANT, I., Anthropologie du point de vue pragmatique, tradução M. Foucault, Paris, Vrin, 2011.
HABERMAS, J., Direito e Democracia, entre factos e normas, tradução F. Siebeneichler, Rio de Janeiro, Tempo Brasileiro, 2003, 2 vols.

Método de ensino

As metodologias de ensino incluem aulas teóricas e práticas com o mesmo peso lectivo. As aulas teóricas permitirão o conhecimento básico dos autores do programa, identificando os principais problemas da Filosofia da História, pondo em relevo os pontos decisivos das suas principais ideias e permitirão também uma visão crítica e inter-relacionada dos autores.
As aulas práticas visam o comentário dos textos filosóficos mais importantes dos autores do programa, descrevendo os elementos que representam a continuidade e a ruptura na formulação das questões filosóficas e a solução dos principais problemas levantados pelos respectivos autores.
Ensino presencial

Método de avaliação

Os métodos de avaliação incluem aulas teóricas e aulas práticas com o mesmo peso letivo. Discussão de textos filosóficos relativos aos grandes temas da Filosofia da História.
A avaliação é constituída por Frequência (40%); trabalho com defesa oral (40%); avaliação contínua e participação nas aulas (20%).

Cursos