Faculdade de Ciências e Tecnologia

Toxicologia Alimentar

Código

10754

Unidade Orgânica

Faculdade de Ciências e Tecnologia

Departamento

Departamento de Ciências e Tecnologia da Biomassa

Créditos

6.0

Professor responsável

Benilde Simões Mendes, Maria Paula Amaro de Castilho Duarte

Horas semanais

5

Total de horas

70

Língua de ensino

Português

Objectivos

Aquisição de conhecimentos básicos de toxicologia geral. Aquisição de conhecimentos sobre a toxicocinética e toxicodinâmica dos compostos químicos. Familiarização com os ensaios de avaliação de toxicidade. Aquisição de competências para identificar os principais tóxicos químicos associados aos diversos tipos de alimentos, conhecer a sua origem, o seu mecanismo de toxicidade e as estratégias para a sua redução.

Pré-requisitos

Conhecimentos básicos de biologia, química e bioquímica

Conteúdo

1) Noções básicas de toxicologia. Factores que influenciam a toxicidade dos compostos químicos: Dose, via, duração e frequência de exposição. Efeitos da exposição simultânea a compostos químicos.

2) Avaliação da toxicidade: ensaios epidemiológicos, in vivo, in vitro e in silico.

3) Absorção, distribuição, biotransformação e excreção de xenobióticos

4)Toxicologia genética. O processo de cancerigénese: Relação entre mutagénese e cancerigénese.

5) Tóxicos alimentares constituintes naturais dos alimentos.

6) Tóxicos alimentares que resultam da contaminação microbiológica dos alimentos.

7) Tóxicos alimentares que resultam da contaminação ambiental

8) Tóxicos alimentares que resultam do processamento e/ou conservação dos alimentos:

Aulas práticas

1) Realização de ensaios de toxicidade aguda

2) Realização de ensaios de toxicidade genética

 

 

Bibliografia

Klaassen CD, Amdur MO & Doull J (Eds.) (2008) Casarett & Doull’s Toxicology: the basic science of poisons. McGraw-Hill Companies, New-York, EUA.

Shibamoto T &Bjeldanes LF (1993) Introduction to food toxicology. Academic Press, Inc, San Diego, California, EUA.

 Omaye ST (2004) Food and nutritional toxicology. CRC Press LLC, New-York, EUA.

Dabrowski WM & Sikorski ZE (Eds.) (2005) Toxins in food. CRC Press LLC, New-York, EUA. 

B. Mendes, J. F. Santos Oliveira (2004) Qualidade da Água para Consumo Humano, Lidel-Edições Técnicas, Lda (Ed.), Lisboa, Porto, Coimbra, 625 pp., (ISBN 972757274X) 

 

 

Método de ensino

Sessões teóricas com datashow.  Sessões práticas laboratoriais.

Método de avaliação

Avaliação da componente teórica: 2 testes individuais (cada um 50% na nota teórica final). Aprovação com classificação mínima de 9,5 valores (escala de 20 valores). 

Avaliação da componente prática: 1 Teste individual sobre os trabalhos práticos realizados.

Classificação final: 0,7 x nota teórica + 0,3 x nota prática . Aprovação com nota mínima de 9,5 valores (escala de 20 valores).

Os alunos que não obtiverem aprovação na avaliação contínua poderão ir a exame, a classificação neste caso será igual a: 0,7 x nota exame+0,3 x nota prática. Aprovação com nota mínima de 9,5 valores (escala de 20 valores).

Os alunos que desejarem fazer melhoria à disciplina terão de se inscrever para melhoria na época de exames. A nota da componente prática não é passível de melhoria e transita para o ano seguinte.

Nos testes e exames não é permitido o uso de máquina de calcular.

Cursos