Guia de Cursos

Queres conhecer a oferta de cursos da NOVA, nas áreas das licenciaturas, mestrados e doutoramentos?
No nosso Guia de Cursos encontras informação útil sobre Faculdades, Institutos e Escolas.
Podes ainda aceder a informações complementares necessárias a uma completa integração.

saber mais Guia de Cursos

Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier

Biociências Moleculares

Ciclo

Terceiro ciclo

Grau

Doutor

Director de curso

Mariana Gomes de Pinho

Data de abertura

05 de janeiro de 2017

Número de vagas

Os candidatos ao programa doutoral MolBioS, devem encontrar financiamento próprio para desenvolvimento do seu plano de tese, quer através de Instituições nacionais ou internacionais. Estes alunos serão aceites com financiamento independente, desde que cumpram os requisitos de admissão.

Propinas

Ao lectivo 2017/2018 - propina máxima: 2750,00 euros / propina mínima 630,50 euros

1. A propina mínima e a máxima e a taxa de inscrição são fixados anualmente após aprovação pelo Conselho Geral da UNL, por proposta do Reitor, na sequência da auscultação prévia de todas as unidades orgânicas.

2. O pagamento das propinas por parte de doutorandos que beneficiem de bolsa da Fundação para a Ciência e a Tecnologia é efectuado directamente pela Instituição financiadora ao Instituto de Tecnologia Química e Biológica da Universidade Nova de Lisboa.

    a) Aos doutorandos que não beneficiem de qualquer apoio financeiro por parte de entidades oficiais ou particulares, destinado a cobrir os custos da propina, poderão requerer uma redução da mesma, através da apresentação de requerimento com justificação fundamentada ao Diretor do ITQB, de acordo com o Artigo 2.º, ponto 1, alínea a) do Regulamento de Propinas da Universidade Nova de Lisboa, n.º 822/2010, de 29 de outubro.


3. Os doutorandos que não usufruam de qualquer bolsa poderão pagar a propina em quatro prestações, tomando-se como início do ano letivo a data do ato de inscrição:
    a) 1.ª prestação -  25% do valor da propina no início do ano letivo;

    b) 2.ª prestação - 25% do valor da propina até três meses após o início do ano letivo;

    c) 3.ª prestação - 25% do valor da propina até seis meses após o início do ano letivo.

    d) 4.ª prestação – 25% do valor da propina até nove meses após o início do ano lectivo.


4. A Taxa de Inscrição é paga uma única vez, no ato da matrícula.

5. O não pagamento da propina implicará, conforme o estipulado na alínea a) e b) do artigo 29.º, da Lei n.º 37/2003, de 22 de agosto, alterado pela Lei n.º 49/2005, de 30 de agosto:

    a) A nulidade de todos os atos curriculares praticados no ano letivo a que o incumprimento da obrigação se reporta;

    b) Suspensão da matrícula e da inscrição anual até à regularização dos débitos, acrescidos dos respetivos juros, no mesmo ano letivo em que ocorreu o incumprimento da obrigação.

6. O não pagamento da propina será comunicado ao respetivo orientador.

7. Os doutorandos que venham a desistir da sua condição de aluno de doutoramento ou vejam os atos curriculares anulados por incumprimento do estipulado na alínea a) do número 7 do presente artigo, perdem o direito à restituição de quaisquer montantes pagos.

Horários

A parte curricular do doutoramento tem uma duração de 23 semanas, maioritariamente no primeiro ano, e terá início em Janeiro com o seguinte horário:

2ª-feira a 6ª-feira
09:30 - 13:00 // 14:30 - 17:30

Objectivos educativos

O Curso de Doutoramento em Biociências Moleculares (Molecular Biosciences), a funcionar no ITQB-UNL, tem por objectivo a obtenção do grau de doutor nas áreas definidas pelo Despacho n.º 5236/2008.

O objetivo do programa MolBioS é treinar os alunos em métodos moleculares para a compreensão dos mecanismos da vida, preenchendo a lacuna entre moléculas e sistemas. O programa fornece uma visão geral do estado-da-arte de aspectos fundamentais dos processos biológicos, seguido por uma formação mais específica em uma das quatro áreas-chave (perfis de investigação): Bases Moleculares de Processos Biológicos, Microbiologia Molecular e Biologia da Infecção, Tecnologia Biofarmacêutica e Plantas para a Vida.

A estratégia por trás deste programa é claramente gerar cientistas versáteis e transdisciplinares, que possuem as ferramentas necessárias para realizar investigação na interface de várias disciplinas.

Condições de acesso

Podem candidatar-se ao ciclo de estudos conducentes ao grau de Doutor:

a) Os titulares do grau de mestre ou equivalente legal, ou o grau de licenciado correspondente a uma licenciatura com um número de unidades de crédito igual ou superior a 240;

b) Os titulares de grau de licenciado, detentores de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo órgão científico legal e estatutariamente competente do ITQB;

c) Excecionalmente, os detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, muito relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo órgão científico legal e estatutariamente competente do ITQB.

O reconhecimento a que se referem as alíneas b) e c) do parágrafo anterior tem como efeito apenas o acesso ao ciclo de estudos conducentes ao grau de doutor e não confere ao seu titular a equivalência ao grau de licenciado ou de mestre ou ao seu reconhecimento.

Requisitos para obtenção do grau ou diploma


É obrigatória a frequência de unidades curriculares constantes no presente Curso de Doutoramento, devendo os alunos obter aprovação em unidades curriculares num mínimo de 240 ECTS.


A parte curricular do curso de doutoramento é constituída por um tronco comum, ao qual se segue uma especialização num dos quatro perfis. Os alunos podem substituir até duas unidades curriculares do seu perfil por outras de um perfil diferente.


A estrutura do Curso de Doutoramento é apresentada a seguir:


Tronco comum                                                                    Semanas   ECTS
Orientation week ..................................................................     -                 0

1. DNA and RNA Biology .....................................................     1             1.5

2. Methods for Biosciences ..................................................     1             1.5

3. Protein Biogenesis, Folding and Structure .......................     1             1.5

4. Metabolism and Bioenergetics .........................................     1             1.5

5. Systems Biology ...............................................................     1             1.5

6. Frontiers in Biotechnology ................................................     1             1.5

7. Research Training I (lab rotations) ...................................     3              4.5

8. Research Training II .........................................................     3              4.5

Total                                                                                          12              18

9. Science Communication ...................................................      1             1.5

10. Bioentrepreneurship ........................................................      2                3

  

Biopharmaceutical Technology  

11. Fundamentals of Bioengineering .....................................     1             1.5

12. Technologies for Biopharmaceutical Development .........     1              1.5

13. Advanced therapy medicinal products (ATMPs) .............     1              1.5

14. Bioprocess data analysis ................................................     1               1.5

15. Tools for Discovery and Preclinical Research ................     1               1.5

Total                                                                                             5              7.5

  

Molecular Mechanisms of Biological Processes  

16. Molecular machines of Life .............................................       1             1.5

17. Proteins in Disease Mechanisms ....................................       1             1.5

18. Nanoprocesses for Life Sciences ....................................       1            1.5

19. Chemical Biology .............................................................       1            1.5

20. Methods for Biosciences II (Tools for Structural biology)        1            1.5

Total                                                                                               5            7.5

  

Molecular Microbiology and Infection Biology  

21. Mechanisms of Gene Expression ....................................         1            1.5

22. Microbial Cell and Developmental Biology ......................         1            1.5

23. Host Responses to Microbial Infection ............................         1            1.5

24. Bacterial Pathogenesis ....................................................         1            1.5

25. Microbial Ecology and Evolution ......................................         1            1.5

Total                                                                                                 5            7.5

  

Plants for Life  

26. Plant Cell and Developmental Biology .............................         1             1.5

27. Plant Metabolic Regulation ..............................................         1              1.5

28. Eco-Physiology and Plant Interactions ............................         1              1.5

29. Modern Strategies in Plant Breeding ...............................         1              1.5

30. Plant Biotechnology for Sustainability and Global Economy     1               1.5

Total                                                                                                5               7.5

Total                                                                                               20               30

31. Thesis ...............................................................................   3.5 years      210

Total                                                                                              4 years      240


A assiduidade da frequência das unidades curriculares será controlada e, exceto em casos devidamente justificados, a aprovação fica dependente da frequência de 90% das horas de contacto. Na unidade curricular Ciência, Cultura e Sociedade, é obrigatória a participação dos alunos em 75% dos seminários do ITQB durante o seu período de doutoramento. Em relação às restantes horas de contacto desta unidade curricular, os alunos terão que cumprir 90% das mesmas.


Regras de avaliação

Cada unidade curricular é avaliada de forma independente. Além da avaliação contínua ao longo da unidade, a avaliação incidirá sobre trabalhos individuais ou trabalhos de grupo efectuados durante a unidade.

A avaliação do trabalho de investigação é feita pelo júri de doutoramento e tem em conta a prestação dos alunos nas várias fases do trabalho, os artigos publicados, a tese e a sua apresentação e discussão pública.

Estrutura