Faculdade de Direito

Code

MS101

Department

Área de Ensino

Credits

5

Weekly hours

15

Subject matter

 

1.               Pressupostos teóricos e metodológicos da investigação científica

1.1.              O objeto de investigação

1.2.              Metodologias e tipologias de investigação

1.3.              Em especial: o que é uma tese em direito e segurança

 

2.               Processo de investigação

2.1.          Identificação do problema e/ou questões de investigação

2.2.          Pesquisa bibliográfica e jurisprudencial

2.2.1.     Noções fundamentais

2.2.2.     Ambientes de pesquisa

2.2.3.     Em especial: pesquisa de IGNOREes jurídicas

2.2.4.     Tratamento da informação recolhida

2.2.4.1.          Sistemas de gestão de referências

2.2.4.2.          Fichas de leitura

2.3.          Revisão bibliográfica e jurisprudencial

2.4.          Estudos quantitativos

2.5.          Estudos qualitativos

 

3.     Etapas da elaboração de uma dissertação de mestrado

3.1. Planeamento

3.1.1. Definir o tema

3.1.2. Escolher o orientador

3.1.3. Elaborar o pré-projeto

3.2. Investigação

3.2.1. Onde investigar

3.2.2. Contactos com outros investigadores

3.3. Redação da dissertação

3.3.1. Organização

3.3.2. Regras de referenciação 

3.3.3. Bibliografia

3.3.4. Índices

4. Princípios éticos da investigação e comunicação científica.

 

Bibliography

Aragão, Alexandra, “Breves reflexões em torno da investigação jurídica”, Boletim da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, Volume LXXXV, Coimbra, 2009, pp. 765-794.

Cane, Peter, e Herbert Kritzer, The Oxford Handbook Empirical Legal Research, Oxford University Press, 2010

Eco, Umberto, Como se faz uma tese em ciências humanas, tradução do original, 7.ª ed., Lisboa, Presença, 1998

Gustin, Miracy Barbosa de Sousa e Maria Tereza Fonseca Dias, (Re)pensando a Pesquisa Jurídica, Teoria e Prática, 3ª ed., Del Rey, 2010

Larenz, Karl – Metodologia da ciência do direito, tradução do original por José Lamego, 3.ª ed., Fundação Calouste Gulbenkian, 1997

Hespanha, António M., Como preparar uma dissertação: um guia em cinco pontos, 2009, disponível em http://www.fd.unl.pt/Anexos/2705.pdf

Hoecke, Mark van (ed.), Methodologies of legal research: which kind of method for what kind of discipline?, Hart, 2011

Hoffman, Marci e Mary Rumsey, International and Foreign Legal Research – a Coursebook, 2ª Edição, Martinus Nijhoff Publishers, 2012

Mann, Thomas, The Oxford Guide for Library Research, 4ª Edição, Oxford University Press, 2015

Meirim, José Manuel, Como pesquisar e referir em Direito, Coimbra Editora, 2008

Pacheco, J. A., e J. A. Lima, Fazer Investigação em Ciências Sociais. Contributos para a elaboração de dissertação e teses, Porto Editora, 2006

Park, Chris, “In other (people’s) words: plagiarism by university students – literature and lessons”, Assessment & Evaluation in Higher Education, 28, n. 5, 2003, 471-488

Pereira Coutinho, Clara, Metodologia de Investigação em Ciências Sociais e Humanas: Teoria e Prática, Almedina, 2ª Edição, 2013

Putman, William H. e Albright, Jennifer R., Legal Research, Analysis and Writing, 3ª Edição, Cengage Learning, 2014

Quivy, R. e Campenhoudt, L, Manual de Investigação em Ciências Sociais, 3ª Edição, Gradiva, 2003

Sutherland-Smith, Wendy, Plagiarism, the internet and student learning: improving academic integrity, Routledge, 2008

Tomaél, M. I. (org.), Fontes de Informação na Internet, EDUEL, 2008

Unger, Roberto Mangabeira, What should legal analysis become?, Verso, 1996

Teaching method

A disciplina de metodologia da investigação jurídica tem os seguintes métodos de avaliação:

i) Trabalho, através da  elaboração do projeto de dissertação de mestrado;

ii) Exame escrito, que consistirá na revisão metodológica de um artigo científico.

Courses