pixel Dia Internacional contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia na NOVA: conheça o programa e participe!  | Universidade NOVA de Lisboa

Dia Internacional contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia na NOVA: conheça o programa e participe! 

“Não deixar ninguém para trás: igualdade, liberdade e justiça para todos”: eis o lema adotado em 2024 pela Organização das Nações Unidas (ONU) para celebrar o Dia Internacional contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia e contribuir para o fim da discriminação – através da sensibilização e criação de medidas para o respeito e a igualdade de direitos de todas as pessoas, independentemente da sua orientação sexual, identidade ou expressão de género e características sexuais. 

Sendo reconhecido pela ONU que “as atitudes homofóbicas e transfóbicas e as normas sociais profundamente enraizadas deixam muitas pessoas lésbicas, gays, bissexuais, transgénero, queer e intersexo (LGBTQI+) extremamente vulneráveis à discriminação”, a NOVA associa-se a esta importante celebração para, mais uma vez, promover os valores da igualdade, da inclusão e a luta contra a discriminação junto da sua comunidade.  

“A NOVA não tolerará quaisquer situações de preconceito ou exclusão, tendo adotado medidas concretas como o Portal de Denúncias e o Código de Conduta para a Prevenção e Combate ao Assédio e Discriminação, o qual repudia expressamente a discriminação em razão da orientação sexual, identidade de género e expressão de género, afirma João Sàágua, Reitor da Universidade NOVA de Lisboa. 

Para assinalar esta data, a Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP) da NOVA promove a mesa-redonda “Health for All: um olhar sobre a inclusão de pessoas LGBTQIA+ nos serviços de saúde”, moderada pelo Professor Gonçalo Figueiredo Augusto, no dia 17 de maio, pelas 15h no Auditório Coriolano Ferreira.  

Igualmente no dia 17, pelas 12h30, o Professor Paulo Côrte-Real vai liderar o debate sobre a obra de Audre Lorde The Transformation of Silence into Language and Action na Biblioteca Teresa e Alexandre Soares dos Santos da NOVA School of Business and Economics (NOVA SBE).  

Nunca é demais lembrar que a defesa dos direitos de pessoas LGBTQIA+ já mobilizam Clubes e Núcleos de Estudantes da NOVA, tais como a NOVA Pride Association e o  Núcleo Pride.